Exemplos práticos que demonstram a utilização de precursores poliméricos

No contexto do registo de polímeros, está a ser considerada uma possível isenção para precursores poliméricos. Assim, a Comissão Europeia está a propor uma isenção para precursores poliméricos tratados como intermediários sob o REACH.

A FEICA elaborou uma apresentação com quatro exemplos práticos onde pretende demonstrar que os precursores poliméricos podem ser utilizados em segurança sob condições adequadamente controladas sem causar danos para os seres humanos e meio ambiente.

Os exemplos abrangem: espuma monocomponente (OCF); vidros diretos (colagem de para-brisas em carros); laminação de substratos flexíveis com adesivos reativos de poliuretano (PU); e silicones líquidos de dois componentes para vedação.

Consulte a apresentação na íntegra aqui.

Apresentação da FEICA sobre isenção de precursores poliméricos

Dada a importância para a indústria de adesivos e selantes, a FEICA disponibilizou recentemente uma apresentação com o objetivo de explicar a diferença entre precursores poliméricos e intermediários e também quais os benefícios de uma isenção total para os mesmos.

No atual contexto de registo de polímeros, está a ser considerada uma possível isenção para estes precursores, sendo que a Comissão Europeia propõe a isenção para que os precursores poliméricos sejam tratados como intermediários sob o REACH.

Assista à apresentação aqui e mais informações aqui.